Do not send e-mail to me!

Consulta e delist

Regras para delist gratuito

 

  • Somente serão aceitos IPs com rDNS apontando para o mesmo IP, validando assim o FCrDNS;
  • Reversos devem estar no nome do administrador do MTA, então não serão aceitos domínios de terceiros como por exemplo rDNS genérico do datacenter ou operadora;
  • A conta postmaster deve estar configurada para o domínio registrado no rDNS e a conta deve estar ativa e respondendo;
  • Se estiver usando um IPv6 com sinalização SLAAC, é necessário manter a porta 25 aberta para que seja possível comprovar a existência um serviço SMTP ativo e
  • A reputação do IP deve estar a baixo de 25% de pontos negativos por volume total de envio.

 

Regras para delist pago

 

  • Somente serão aceitos IPs estáticos com reverso configurado, mesmo que o FCrDNS seja inválido;
  • Uma conta do PayPal é necessária para que o endereço de e-mail desta conta seja atribuido ao IP, como responsável pelos abusos;
  • O usuário do PayPal deve concordar em ter seu endereço de e-mail mostrado publicamente nesta plataforma como responsável pelos abusos daquele IP e
  • A reputação do IP deve estar a baixo de 25% de pontos negativos por volume total de envio.

 

 

Importante: Caso seja possível, inclua o endereço admin@spfbl.net em sua whitelist para evitar que seu MX rejeite as mensagens do nosso sistema, como por exemplo greylisting ou filtro por conteúdo. Nós não prestaremos suporte nos casos em que o MX esteja deliberadamente rejeitando mensagens do nosso sistema, principalmente se o destinatário for o postmaster, pois a RFC 5321 não permite o uso de qualquer tipo de filtro de rejeição para o postmaster.

 

Importante: Qualquer endereço usado no processo de delist passa a ser considerado como responsável pelos abusos daquele IP especifico e passará a receber relatório de abuso deste IP no formato ARF neste mesmo endereço de e-mail. Todos os relatórios enviados devem ser tratados sob pena do mesmo IP ser listado novamente.

 

Importante: No caso de pagamento, o usuário estará pagando pela inclusão do e-mail PayPal dele em nossa base de dados como responsável pelos abusos daquele IP e não exatamente pelo delist propriamente dito. Uma vez incluido como responsável, aquele endereço de e-mail poderá ser usado inumeras vezes para delist do mesmo IP em caso de relistagem, sem a necessidade de novos pagamentos. O responsável deverá ler todos os relatórios ARF enviados e tomar as providências necessárias sob pena de perder o registro do e-mail dele como responsável pelo IP e então sim ele terá que fazer um novo pagamento para uma nova inclusão.

 

Dica: Considere utilizar o prefixo de rejeição especial do SPFBL para conter fluxo indesejado direto do seu MTA de saída: 5.7.1 SPFBL . Um script que seja capaz de monitorar este prefixo e congelar contas de e-mail pode ser um forte aliado para prevenir que seu IP seja listado. Todos os pontos negativos da nossa DNSBL são gerados com rejeições, na camada SMTP, com este prefixo. Minimizar a incidência deste prefixo ajuda a ter IPs sempre limpos, com boa reputação e num delist mais rápido.